09/08/2020
Home / Bebê  / Em busca do pediatra perfeito

Em busca do pediatra perfeito

Logo que o bebê nasce, e que os pais ficam mais calmos ao confirmar que ele tem uma saúde plena, surge uma das primeiras e mais desafiadoras missões dos pais: partir em busca do pediatra.

pediatra

Logo que o bebê nasce, e que os pais ficam mais calmos ao confirmar que ele tem uma saúde plena, surge uma das primeiras e mais desafiadoras missões dos pais: partir em busca do pediatra. Mas não um qualquer. E sim aquele perfeito, afinal estamos falando de cuidar de nosso bem mais valioso. Mas afinal, você sabe a fundo porque a necessidade de ter este profissional acompanhando de perto o crescimento e desenvolvimento de seu filho?

De acordo com dados de uma pesquisa feita pela Academia Americana de Pediatria com mais de 15 mil crianças, aquelas que iam periodicamente ao seu pediatra nos 3 primeiros anos de vida apresentaram riscos consideravelmente menores de serem internadas em relação aquelas que não mantinham uma rotina adequada.

Um dos motivos é a prevenção. Quando o filho apresenta algum sintoma e você o leva ao hospital, já não é possível detectar com antecedência algo que o pediatra já poderia observar na consulta de rotina, antes de aparecerem os sintomas. Por isso que é importante seguir a risca a rotina de consultas e não lembrar do pediatra só quando a coisa está pegando fogo.

E mais do que isso. O pediatra tem como uma das tarefas fazer o acompanhamento do desenvolvimento da criança, para detalhes como altura e peso compatíveis com idade, alimentação correta e até ajudar em detalhes como comportamento e educação.

Agora que já ficou claro o papel do pediatra, vem a pergunta mais valiosa do mundo. E como identificar qual o pediatra perfeito? um detalhe que muita gente leva em conta é a indicação. Afinal duvido que alguém indique um pediatra a um amigo ou parente que não se sinta 100% seguro. Se for indicado por outro profissional de saúde então, a chance de sucesso aumenta.

Depois de passada a primeira fase, de listar os potenciais pediatras, vale a pena marcar uma consulta (de repente até no pré-natal) nos que mais agradam aos pais para conferir in loco se rola aquela confiança e empatia. Afinal a tendência é que este profissional acompanhe seu filho por muito tempo. Para os mais paranoicos, vale até consultar no Conselho Regional de Medicina se não há denúncias contra ele.

Um detalhe a ser levado em conta pelos pais mais minuciosos é o ambiente do consultório. E na primeira consulta,  porque não perguntar para os pacientes na sala de espera sobre  o médico. Sempre é possível captar boas informações de outras mães.

Por último e não menos importante: disponibilidade. No caso de pediatra, tem que ser alguém com quem os pais possam contar para uma urgência (não no dia a dia, é claro), seja de noite, feriado. Um médico atencioso faz toda a diferença e pode te ajudar no momento de aperto.

TAGS:
Avaliação
SEM COMENTÁRIOS

Publicar um comentário