16/10/2018
Home / Planejando  / Preparando o corpo para a gravidez.

Preparando o corpo para a gravidez.

Preparar seu corpo para a gravidez é mais do que indispensável. Mudanças em sua alimentação e em seu estilo de vida, por exemplo, devem começar muito antes da descoberta da gravidez. Outro ponto muito importante

Preparando o corpo para a gravidez

Preparar seu corpo para a gravidez é mais do que indispensável. Mudanças em sua alimentação e em seu estilo de vida, por exemplo, devem começar muito antes da descoberta da gravidez. Outro ponto muito importante é manter em dia exames que garantam o bom funcionamento de seu organismo para esse processo tão especial. Confira aqui o que deve ser feito!

O recomendado é que, três meses antes de começar a tentar engravidar, a mulher procure seu ginecologista para iniciar o check-up, mesmo que você não tenha nenhum problema prévio de saúde. Caso haja doenças hereditárias em sua família, esse é o momento de mencionar! É aqui que seu médico avaliará suas condições e indicará os exames adequados. Métodos contraceptivos também fazem parte das coisas que você não pode deixar de fora nesse momento – eles podem interferir no tratamento que o médico lhe recomendará.

Um dos exames que valem a pena ser feitos nesse momento é o papanicolau. Isso porque ele não costuma ser feito durante a gravidez, sendo realizado novamente apenas seis meses após o parto. Assim, aproveite para fazer antes de começar a tentar engravidar, para garantir que tudo está nos conformes.

 

Seu ginecologista provavelmente pedirá também um exame de urina, para garantir que você não esteja com nenhuma infecção urinária, que podem estar associadas ao aborto espontâneo ou ao parto prematuro.

Além disso, é de praxe ser pedido o hemograma completo! Ele auxilia a detectar doenças que podem interferir no bom encaminhamento de sua gravidez, como anemia falciforme, doenças sexualmente transmissíveis e imunidade a outras doenças, como hepatite. Caso a sua imunidade seja falha a alguma doença, o médico recomendará a vacinação adequada.

O acompanhamento de sua pressão também é importante! A pressão alta, durante a gravidez, pode trazer riscos à mãe e ao bebê.

Além de todos esse pontos, muito importantes, é essencial que você tire todas as suas dúvidas com seu médico. Não deixe de perguntar. Pergunte, pergunte até cansar, para que possa começar a tentar com tranquilidade e segurança. Esse momento é especial!

Avaliação
SEM COMENTÁRIOS

Publicar um comentário